(Canguçu) Situação financeira do Hospital de Caridade de Canguçu foi pauta em duas reuniões na SES, informa Pedro Pereira


Foto Rafael Ribeiro

Construir alternativas e soluções que possam ajudar na reestruturação financeira do Hospital de Caridade de Canguçu foi o objetivo uma reunião realizada, nessa terça-feira (14), em Porto Alegre. Participaram da audiência o deputado Pedro Pereira (PSDB), o prefeito de Canguçu, Vinicius Pegoraro, o secretário estadual de saúde, João Gabbardo e o diretor-adjunto do Departamento de Assistência Hospitalar e Ambulatorial (DAHA) da SES, Rogério Sele.

De acordo com Pereira, as ideias que surgiram nesta audiência, serviram como base para outra reunião, na quarta-feira (15), com representantes do hospital e da coordenadoria regional de saúde, também realizada na Capital. “Não irei desistir e nem perder as esperanças de ver o nosso hospital reestruturado” explicou.

No segundo encontro na sede da SES estavam a gestora administrativa do Hospital de Caridade de Canguçu, Simone Domingues, o coordenador da 3ª Coordenadoria Regional de Saúde (3ª CRS), Gabriel Andina, a secretária municipal de saúde de Canguçu, Miriam Neutzling, assim como o deputado Pedro Pereira, o prefeito Vinicius Pegoraro e o diretor-adjunto do DAHA, Rogério Sele, que já haviam discutido o assunto com o secretário Gabbardo.

Segundo Pegoraro, foram estabelecidos alguns compromissos entre Hospital, Prefeitura e Estado. “O governo pagará, nos próximos três meses, o contrato integral com o Hospital de Caridade de Canguçu, no valor de R$ 816 mil. Neste período, não haverá descontos por falta de produção. Serão descontados somente os empréstimos contraídos anteriormente, ficando a instituição responsável por adequar o contrato a sua real capacidade de atendimento”, explicou o prefeito.

“Quero que o hospital volte a ser como era antes, não irei desistir e não podemos deixar o cidadão canguçuense desamparado, sem atendimento” disse Pereira. O parlamentar tucano informou também, que poderão ser liberados R$ 400 mil, referente a uma emenda parlamentar, solicitada por ele, através do ex-deputado federal e atual prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Jr. “O recurso é oriundo do Orçamento da União, junto ao Fundo Nacional da Saúde, e será destinado para o custeio do hospital, mas a liberação dessa verba depende, unicamente, do governo Federal” esclareceu.

 

Texto e fotos: Rafael Ribeiro Assessoria de Imprensa Dep. Pedro Pereira

 

Tags: , , , , , , , , , ,

Postado por: Pedro Luiz Guerreiro,