(Cerrito) Nadador cerritense que cumpriu travessia de 36km participa de agenda com o prefeito municipal

Uma façanha que impressiona pelos números: foi com 65 mil braçadas, 68 por minuto, que o nadador Edilson Bento, natural de Cerrito, fez uma travessia de 16 horas do Leme ao Pontal, no Rio de Janeiro, no último dia 20 de setembro. Em visita ao município e acompanhado do presidente da Câmara de Vereadores, Pablo Torres, o nadador estava no gabinete do prefeito municipal na manhã do último dia 27.

Bento contou que a largada ocorreu na meia-noite do dia 20 e que por causa de uma forte corrente ficou três horas sem conseguir avançar. O desafio de 37Km, distância semelhante a do Canal da Mancha, que liga a França ao Reino Unido, é realizada pela Swimming Association. “Me preparei durante três meses, nadando em média 6 horas por dia numa piscina”, contou. Foi a resistência adquirida que o possibilitou a travessia com o maior tempo da história.

O site em inglês ‘The Daily News of Open Water Swimming’ deu destaque a travessia. “[Edilson] aprendeu a nadar há cinco anos e foi motivado pelo seu sonho de se tornar salva-vidas da polícia militar. Bento começou a participar de banhos e maratonas em mar aberto”, escreveu. “Bento decidiu nadar com a foto para homenagear seu pai que teve o sonho de conhecer a cidade do Rio de Janeiro”, complementou.

Silveira parabenizou o nadador e desejou êxito a ele nas próximas maratonas. “Agradeço em nome da administração municipal a visita e espero que possamos comemorar outros resultados como esse”, disse o chefe do poder executivo.

Como forma de reconhecimento, Pablo Torres informou que o legislativo municipal vai homenagear o nadador com o mérito esportivo. A sessão deve ocorrer no dia 26 de novembro, no plenário da Câmara.

Christian Dias, Matheus Muniz e Pedro Luiz Guerreiro
Assessoria de Imprensa Cerrito RS