(Cerrito) Reunião debate normas exigidas aos taxistas


Convocada pelo poder executivo, uma reunião entre os gestores municipais e os taxistas colocou em pauta a lei municipal que regulamenta o serviço em Cerrito, na última segunda-feira (10). O texto, aprovado em dezembro pela Câmara de Vereadores, estabelece normas para a exploração da atividade.
Os condutores, cadastrados na Secretaria Municipal de Infraestrutura, pasta responsável pelo planejamento e fiscalização da função, foram informados pelo prefeito Douglas Silveira sobre as adequações necessárias. Fazem parte das exigências, por exemplo, a caracterização do veículo com cor branca padrão e adesivos que o identifique.
A jornada diária mínima de cada prefixo, estabelecida em doze horas, foi outro ponto ressaltado. Há também uma determinação que dispõe sobre a necessidade de sempre haver ao menos um táxi em serviço no ponto de embarque.
A forma como a tarifa é calculada também deve mudar. Os permissionários, após debate, concluíram que é oportuno aderirem ao taxímetro, sistema que aprimora a cobrança do preço pelo quilômetro rodado.
Matheus Muniz e Pedro Luiz Guerreiro – Assessoria de Imprensa

Postado por: Pedro Luiz Guerreiro,